Como conseguir seus primeiros clientes como autônomo

Cada vez mais vejo pessoas tentando suas vidas em carreiras autônomas, especialmente por conta da alta taxa de desemprego vista hoje no Brasil e pelo cansaço quanto ao sistema CLT, que possui todas suas rotinas e limitações. Assim, é normal para mim sentar com alguém e explicar como estou vivendo dessa forma e, principalmente, como consegui meus primeiros clientes.

A primeira coisa que sempre me perguntam é sobre essa mudança em si e se compensa. Bom, isso depende muito mais de você que do mercado, visto que, diferente do trabalho CLT — onde você recebe as tarefas de seu superior e as cumpre — nessa modalidade você precisa ir atrás do trabalho, já que sem isso você não recebe nada. Assim, é possível sim ganhar bem como autônomo, da mesma forma que é possível não ganhar nada. Depende de você.

Com isso esclarecido, a pergunta que vem na sequência geralmente se refere aos clientes e, mais precisamente, em como consegui-los, especialmente no começo da carreira de autônomo. Felizmente hoje existem diversas formas de criar uma carteira com alguns parceiros, tanto daqueles recorrentes quanto de jobs pontuais, e é sobre isso que irei escrever nos próximos parágrafos.

 

Plataformas de Freelancers

clientes_banner_blog02

Quando você começa a se aventurar neste novo mundo, percebe que praticamente todas as áreas de atuação possuem um site específico, em que os jobs são postados e você se candidata a realiza-lo. São tantos exemplos que fica até difícil de indica-los, então sugiro que faça uma busca no Google para descobrir qual é o mais indicado para o seu mercado.

Além dos sites mais nichados, existem as opções de plataformas que atendam a diversas áreas, como são os casos do 99frelas.com.br e do workana.com. Nessas alternativas, você poderá encontrar clientes que procuram pelos mais diversos profissionais, desde redatores, designers e tradutores, até engenheiros, advogados e arquitetos. Tudo para um serviço em específico.

As negociações geralmente são feitas inteiramente pelo próprio site, tanto sobre o pagamento quanto ao prazo de entrega, o que facilita bastante na comunicação e organização da pauta. O ponto negativo está nos valores, visto que a concorrência costuma ser muito grande e, consequentemente, as propostas baixas. Dessa forma, essa se mostra uma ótima oportunidade de iniciar sua carreira, porém mais complicada para manter um faturamento mensal que compense a atividade.

Redes Sociais

clientes_banner_blog03

A primeira coisa que você precisa entender quando se torna autônomo é que, a partir deste momento, você deixa de ser uma pessoa física para se tornar uma jurídica, o que significa que seu nome é sua marca, e você é sua empresa. Com isso em mente, você deve utilizar de todos os meios possíveis para conseguir clientes, e isso inclui sim suas próprias redes sociais.

Não que você precise ficar postando todos os dias sobre seu trabalho, mas é interessante que todos seus amigos e seguidores fiquem a par de suas novas atividades. Além deles, esse é um ótimo local para conseguir novos contatos, então procure por grupos no Facebook, aumente suas conexões no LinkedIn e siga outros profissionais no Instagram. Pode ser que não dê em nada? Pode. Mas as chances de ocorrer algo são muito maiores.

Se faz preciso também entender qual é seu público, ou seja, quem são as pessoas que compram seu trabalho. Após entender esse fator você pode focar um pouco mais em uma plataforma ou outra. Eu, por exemplo, coloco meus esforços no LinkedIn e Facebook, por exemplo, enquanto outras atividades podem exigir mais atuação no Instagram, Pinterest, Tumblr, ou qualquer outra rede. Analise bem esse ponto para que não acabe atingindo um público que não necessariamente compre seu serviço.

Networking

clientes_banner_blog04

Se você lê meus posts com frequência já deve ter percebido que sou um fã desse termo. Bom, acho que muito mais que o lado interesseiro que muitos veem nessa palavra, existe um fator de parceria, onde você possui uma rede de contatos em que todos podem se ajudar, de acordo com a necessidade de cada um. E isso, nos dias de hoje, vale muito mais do que você imagina.

Com isso em mente, trabalhar seu networking não precisa ser algo forçado ou por puro interesse, mas sim se tornar aberto a novas interações, atender bem seus clientes e se mostrar disponível para todas as necessidades deles. O tal do boca a boca é uma das melhores formas de networking, então faça seu trabalho da melhor forma que o resto vem com o tempo.

Este também é um fator que pode ser, tranquilamente, unido às redes sociais, visto que é através delas que você fará seu networking funcionar. Utilize-as para que todos saibam o que você está fazendo, e espere para que as indicações comecem. Pode parecer simples demais, mas é assim que acontece. Se você oferece um serviço de qualidade e possui pessoas que querem te ajudar, a chegada de novos clientes é só questão de tempo.

O começo não é fácil

clientes_banner_blog05

Como qualquer outra carreira, a de autônomo não é simples, especialmente em seu início. A busca pelos primeiros clientes é complicada e, por muitas vezes, demorada, mas é preciso ter perseverança e não desistir nos primeiros obstáculos. Como dito acima, é possível prosperar nessa área como em qualquer outra, mas aqui os esforços dependem única e exclusivamente de você.

Se essa é sua vontade, vá atrás que tem mercado sim! Mas não acredite naquela conversa que você trabalha menos, descansa mais, ou qualquer coisa como essa. Você até pode fazer tudo isso, mas ai você também ganha menos. Então levanta a cabeça, pesquise muito, e se jogue nessa aventura!

divisoria

Se quiser conferir mais textos, fotos e conteúdos em geral, dê uma olhada em minhas redes sociais também!

Linkedin — Will Junqueira

Instagram — Will Junqueira

Pinterest — Will Junqueira 

 

clientes_pinterest_will

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s